Conhecendo o Rei: Podemos contar com a sua provisão

392 VISUALIZAÇÕES DEIXE UM COMENTÁRIO
shutterstock_99330977

“Abraão pegou a lenha para o holocausto e a colocou nos ombros de seu filho Isaque, e ele mesmo levou as brasas para o fogo, e a faca. E, caminhando os dois juntos,

Isaque disse a seu pai, Abraão: ‘Meu pai!’
“Sim, meu filho”, respondeu Abraão.
Isaque perguntou: ‘As brasas e a lenha estão aqui, mas onde está o cordeiro para o holo­causto?’

Respondeu Abraão: ‘Deus mesmo há de prover o cordeiro para o holocausto, meu filho’. E os dois continuaram a caminhar juntos.” Gênesis 22:6-8

No mês de Maio, tive a rica oportunidade de estar junto à liderança de organização do evento chamado Dia de Alcande Global (GOD) aqui na minha cidade. Foram dias de preparação, jejum e oração, para que no dia 30 (sábado) tudo pudesse ocorrer com sucesso. E, próximo do grande dia, em meio à correria e um pedaço de aflição por causa dos materiais que ainda faltavam para as nossas atividades, pude ver a mão de Deus agir sobre o projeto de forma poderosa; pude ver a sua provisão e a sua fidelidade se manifestarem de modo a constranger a minha pouca fé. No fim, vidas foram impactadas, alimentadas e transformadas. Desde materiais simples, a recursos financeiros, Deus nada deixou nos faltar.

Em meio ao acontecido, e em certo ponto, como forma de gratidão a Deus pelo que fez, escrevo hoje sobre o quão provedor ele é.

Quando Abraão leva seu filho Isaque ao monte Moriá para oferecer sacrifício ao Senhor, lhe faltava o principal: o cordeiro para o holocausto. Isaque logo pergunta sobre tal e, Abraão, com sua tamanha fé, responde: Deus proverá. Ora, Deus havia ordenado Abraão a ir até o local, ele havia de providenciar o que fosse necessário. E foi o que aconteceu. Quando o Senhor viu que Abraão estava realmente disposto a sacrificar seu próprio filho, providenciou um carneiro para ser oferecido em holocausto no lugar de Isaque. Por causa disso, o versículo 14 fala que Abraão pôs naquele lugar o nome de “O Senhor Proverá”.

Irmãos, há momentos em que parece que as coisas não vão acontecer da forma que esperamos; momentos em que nos faltam o necessário e logo pensamos que nada vai dar certo, mas quando as coisas são da vontade de Deus, elas sempre acontecem. Quando ele nos ordena a fazer algo e, quando somos obedientes à sua voz e firmes na fé, ele sempre supre as necessidades. O melhor de tudo, é que ele ainda faz mais do que pedimos ou pensamos.

Não foi à toa que Jesus nos ordenou a buscar primeiro o reino de Deus e a sua justiça, pois as demais coisas nos seriam acrescentadas. Ele já nos alertava de que nada nos faltaria, se seguíssemos na vontade do Pai, fazendo aquilo que fosse de agrado ao seu coração.

“Esperei confiantemente pelo Senhor; ele se inclinou para mim e me ouviu quando clamei por socorro.” Salmos 40:1

Todos nós, em algum momento, passamos por dificuldades em nossa vida. Isso não é algo exclusivo de poucas pessoas. Passar por provações nada mais é do que um teste a nossa fé e, ser aprovado no fim delas, significa um passo a frente em nossa caminhada cristã. Pode-se dizer que é um degrau a mais que subimos e é algo importantíssimo para o nosso crescimento espiritual. Por isso, a forma como nos posicionamos perante às dificuldades é preponderante para a nossa aprovação no teste e, consequentemente, a provisão de Deus. Em cada passo, precisamos manter a nossa fé e o nosso caráter e, principalmente, acreditar que Deus é fiel e nunca falha e, por isso, devemos depositar a nossa confiança nele e acreditar que tudo acontecerá conforme a sua vontade. Se passamos por problemas, precisamos apresentá-los a Deus, pois ele tem a honra de ser o nosso provedor e ajudador.

“Os leõezinhos sofrem necessidade e passam fome, porém aos que buscam o Senhor, bem nenhum lhes faltará.” Salmos 34:10

Fiquem na paz de Yahweh Jireh, o Deus que provê!

AUTOR (A)

Rayanne C Antunes

18 anos, pernambucana, acadêmica de Engenharia, membro da Comunidade Cristã Evangélica, colunista do Servos de Jesus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>