Conhecendo o Rei: um homem que ensinava o Reino

911 VISUALIZAÇÕES DEIXE UM COMENTÁRIO
tumblr_npa19fHCBz1u6fgw0o1_500

“Escrevi o primeiro livro, ó Teófilo, relatando todas as coisas que Jesus começou a fazer e a ensinar até o dia em que, depois de haver dado mandamentos por intermédio do Espírito Santo aos apóstolos que escolhera, foi elevado às alturas. A estes, também, depois de ter padecido, se apresentou vivo, com muitas provas incontestáveis, aparecendo-lhes durante quarenta dias e falando das coisas concernentes ao reino de Deus.”

Atos 1:1-3

Lucas diz a Teófilo, acima, que escreveu o seu primeiro livro (o evangelho de Lucas) relatando sobre as coisas que Jesus fazia e ensinava, antes de sua morte; e fala que depois de sua ressurreição, Jesus apareceu a eles falando das coisas a respeito do reino de Deus. Pois bem, a frase chave que quero tirar dessa passagem para por como tema do Conhecendo o Rei de hoje é essa última: “… falando das coisas concernentes ao reino de Deus.”

Lucas, os demais apóstolos e todos os que seguiam a Cristo, tinham o evangelho do Reino muito claramente explícito em suas mentes, pois em toda a sua vida e até depois da sua ressurreição (como é dito no versículo de Atos), Jesus não deixou de pregar sobre o Reino. Lucas também testemunha isso no capítulo 4, vs. 43 do seu primeiro livro:

“Ele, porém, lhes disse: É necessário que também às outras cidades eu anuncie o evangelho do reino de Deus; porque para isso é que fui enviado. “

Meus irmãos, deve ser automático em nossa mente, ao pensarmos nos ensinamentos de Jesus, lembrarmos do tema Reino de Deus. Aliás, este é, sem dúvidas, o tema principal de todo o Novo Testamento, levando em consideração o fato de que ele gira em torno de Cristo. Em todo o seu ministério, pregou e ensinou o reino dos céus. Foi pra isso que ele foi enviado.

E o que ele trazia no ensino do evangelho do Reino?

É interessante que, na época, os judeus pensavam que o Messias viria para trazer a paz entre os povos, para gerar mudanças políticas e sociais, para acabar com o pecado e estabelecer em toda a sua plenitude, o Reino de Deus. Aliás, esse foi o motivo de Jesus ter sido morto; muitos acreditavam que Jesus era um mentiroso, por se declarar como o Messias. Todos esperavam mudanças aparentes e radicais no mundo, após a sua vinda. E é ainda mais interessante o fato de que Jesus chegou a ser questionado sobre isso, pelos fariseus, e lhes trouxe uma resposta que eu imagino ter calado muitos. Lucas também testemunha esse acontecimento:

“E, interrogado pelos fariseus sobre quando havia de vir o reino de Deus, respondeu-lhes, e disse: O reino de Deus não vem com aparência exterior. Nem dirão: Ei-lo aqui, ou: Ei-lo ali; porque eis que o reino de Deus está entre vós.
Lucas 17:20-21

Há um livro chamado “O Evangelho do Reino” de George Eldon Ladd, que traz um texto a respeito dessa resposta de Jesus, dizendo:

“Jesus quis dizer que o Reino de Deus está aqui, mas há um mistério, uma nova revelação sobre o Reino. O Reino de Deus está aqui, mas em vez de fazer mudanças externas na ordem política das coisas, ele está mudando a ordem espiritual e a vida dos homens e mulheres.”

Irmãos, quando Jesus ensinava o evangelho do Reino, não era pra que o mundo, de repente, mudasse por inteiro. Sua primeira vinda foi para que essas boas novas fossem estabelecidas em nosso coração e nos trouxesse uma profunda transformação. O Reino de Deus tem uma lógica de que as mudanças acontecem de dentro pra fora. Jesus em toda sua vida, nos ensinou que precisamos mudar primeiramente a nós mesmos.

Aliás, aos nossos olhos e, com certeza, aos olhos dos povos nos tempos de Cristo, o mundo parecia e parece pouco mudado, desde a sua vinda. Contudo, o Reino de Deus veio entre os homens, Jesus o estabeleceu em nosso coração e, ao compartilhá-lo, ele nos mostrou que é exatamente isso que devemos fazer também. Compartilhar o Reino de Deus entre os povos até a sua volta, em que ele terminará a boa nova que iniciou e, enfim, estabelecerá o Reino de Deus em toda a sua plenitude.

É bem amplo falar sobre o evangelho do Reino e meu desejo é dar continuidade ao que comecei nesse texto. Mas concluo falando que após Jesus ser elevado aos ceús, a responsabilidade de pregar as boas novas do Reino foi concedida aos seus seguidores, consequentemente, a nós. Vemos isso no livro de Atos, nas pregações de Paulo, etc. O Reino de Deus é e sempre será o nosso tema principal.

Outras passagens a respeito do tema: Lucas 8:1; Mateus 9:35; Mateus 4:23; Marcos 1:14-15; todas as parábolas de Jesus; etc.

Fiquem na paz de Yahweh!

AUTOR (A)

Rayanne C Antunes

18 anos, pernambucana, acadêmica de Engenharia, membro da Comunidade Cristã Evangélica, colunista do Servos de Jesus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>