Mulher Virtuosa: Compras?! Amo!!!

1160 VISUALIZAÇÕES DEIXE UM COMENTÁRIO

Beautiful young woman shopping over internet.

Olá, virtuosas! Como vocês estão? É uma imensa alegria ter vocês aqui conosco. Vamos lá! 

Hoje nós iremos falar sobre um assunto muito interessante que é o consumismo e a compulsão por compras. (tenho certeza que os esposos, noivos ou namorados vão amar esse post de hoje!!! Rsrs…). 

-Ela: Olha aquele sapato na vitrine!!! Ai que lindo! Eu quero…

-Ele: Mas você já tem um parecido, não?!?!

-Ela: Claro que não! Esse aqui a cor é um pouquinho mais escuro…

Compras - SDJCertamente nós já participamos ou presenciamos um diálogo assim. E qual é a mulher que não gosta de comprar??? Ter um sapato de cada cor e várias bolsas para combinar com cada um deles! Sem falar nos acessórios, roupas, perfumes e por aí vai… Mas, até que ponto essa atração por comprar é saudável? Nós precisamos tomar muito cuidado para não nos tornarmos consumistas compulsivas, pois muitas vezes esse comportamento está relacionado com ansiedade, depressão, entre outros…

O consumismo pode ser definido como um modo de vida orientado por uma crescente propensão ao consumo de bens ou serviços, em geral supérfluos, em razão do seu significado simbólico (prazer, sucesso, felicidade). Já a compulsão é o comportamento que se caracteriza por uma pressão interna. Que em determinadas situações, faz com que a pessoa se sinta impelida, tomada por desejo muito forte de realizar uma ação que gera prazer principalmente nos estágios iniciais. Porém, depois provoca sentimentos de culpa e mal-estar.

A palavra do Senhor nos alerta muitas vezes sobre o amor ao dinheiro e a consequente compulsão. Vejamos o que diz a palavra de Deus: “O que ama o dinheiro jamais dele se farta; e que ama a abundância nunca se farta da renda; também isto é vaidade”. Ec 5:10.

Esse versículo é muito enfático ao afirmar que a pessoa que ama ao dinheiro, ou em outras palavras, que ama comprar e comprar, disso jamais se farta! Nossa! Por isso, devemos estar atentas para perceber se estamos consumindo de forma desordenada e de maneira que esteja prejudicando a nós mesmas e até os nossos relacionamentos com outras pessoas. Essa atenção é necessária também para notarmos se esse comportamento é algo mais sério e que necessita de tratamento, como é o caso da compulsão. Se precisar, procure um profissional da área para tratamento. Você também pode procurar os seus líderes espirituais para aconselhamento e oração.

O consumismo compulsivo além de muitas vezes estar ligado à depressão e à ansiedade, também pode sinalizar a falta do amor de Deus e de Sua doce presença. Existe em cada uma de nós um vazio que não pode ser preenchido por sapatos, bolsas, roupas, mas somente pela presença e o amor do nosso amado Deus. Portanto, experimente se encher do amor do Senhor e da Sua alegria e, então, você perceberá que possui o que existe de mais precioso nesse mundo!!!

Gostaria de indicar um livro que ganhei de presente do meu amado esposo (acho que ele estava querendo me ensinar alguma coisa! Haha…) que se chama: “bolsa blindada” da autora Patrícia Lages. Quero ainda pedir que o nosso amigo Espírito Santo nos ajude a romper nessa área que afeta principalmente a mulherada! Um grande beijo, virtuosa e até a próxima!

AUTOR (A)

Pra. Manoelly Morais

Apaixonada por Jesus, Esposa, Pastora, Servidora Pública Federal, bacharel em Direito, graduanda em Teologia, 25 anos, membro da Igreja Comunidade Cristã Evangélica

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>