Por que conhecer a Cristo? – Conhecendo o Rei

669 VISUALIZAÇÕES DEIXE UM COMENTÁRIO
unnamed

Desde o início desse projeto, viemos aprendendo um pouco mais a respeito de Deus, de Cristo, através dessa coluna e estive refletindo a respeito da importância disso, do porquê investirmos tanto em estudar/aprender sobre quem Jesus é.

Confesso que é uma responsabilidade e tanto publicar devocionais, mensagens que descrevam um pouco das características do Senhor e sua essência. Pra falar sobre ele, é preciso conhecê-lo e essa é (e deve ser) uma tarefa diária nossa. Todos os dias precisamos buscar conhecer a Deus mais e mais; não apenas para compartilhar dele com as pessoas, mas principalmente para que possamos nos assemelhar a ele, ter um caráter como o dele.

Como discípulos e servos de Jesus, precisamos estar atentos as suas características, às marcas de seu caráter, de suas atitudes. Cristo é um exemplo de alguém extraordinário e se buscássemos a cada dia ser como Ele é, seríamos humanos muito mais exemplares, muito mais transformadores desse mundo.

Como, então, conhecer a Deus?

Quando queremos conhecer alguém, nos tornar amigos de alguém, o primeiro passo é o diálogo. Quando começamos a nos relacionar com as pessoas, nós conversamos com elas, andamos com elas e através da convivência vamos conhecendo seus defeitos e qualidades.

Com Deus é a mesma coisa. É preciso semear o relacionamento com ele dia-a-dia para conhecê-lo. A oração é o principal caminho para conhecermos a Deus. Sem oração, não há como gerar intimidade, tampouco conhecimento da sua essência.

O Salmo 25 diz: “A intimidade do Senhor é para os que o temem, aos quais ele dará a conhecer a sua aliança.”

Precisamos investir tempo juntos com Deus, e isso requer esforço e renúncia da nossa parte. Se queremos ser íntimos do Senhor, é necessário entender o significado de perseverança e de negar a si mesmo.

Além do diálogo, a leitura da Palavra nos leva a um verdadeiro entendimento da soberania do Senhor e do seu caráter. Precisamos amar a palavra de Deus e nos dedicar à leitura diária dela para conhecermos os princípios do Reino de Deus.

“Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, esse é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei, e me manifestarei a ele.” Jo 14:21

Além de tudo isso, a Bíblia nos alerta sobre a comunhão com os irmãos. Se não amamos a eles, que vemos, como amaremos a Deus, que não vemos? O apóstolo João fala que devemos ter comunhão uns com os outros, assim como temos comunhão com Deus.

Através do relacionamento com a igreja, podemos nos aprofundar muito mais na essência de Cristo. Ele também se manifesta em nossa união e crescimento juntos.

Amados, o mundo está sedento por Cristo e nós somos testemunhas dele. O Reino de Deus está em nós e precisamos estabelecê-lo aqui na terra. Para isso, precisamos conhecer verdadeiramente a Deus.

Quando estamos em comunhão com Deus, somos pessoas tratadas, ensinadas e transformadas. Conhecendo quem Ele é, conhecemos a nós e entendemos a nossa dependência dele.

Que a cada dia nós possamos nos dedicar a isso. Orando, jejuando, meditando na palavra e nos relacionando com o próximo, seguirmos no caminho que leva a Deus, o único e soberano Rei.

 

 

 

 

AUTOR (A)

Rayanne C Antunes

18 anos, pernambucana, acadêmica de Engenharia, membro da Comunidade Cristã Evangélica, colunista do Servos de Jesus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>