Reino de Deus – Altruísmo

1088 VISUALIZAÇÕES DEIXE UM COMENTÁRIO

Estabeça o ReinoTexto Base: Mateus 8

5. Entrando Jesus em Cafarnaum, dirigiu-se a ele um centurião, pedindo-lhe ajuda. 6. E disse: “Senhor, meu servo está em casa, paralítico, em terrível sofrimento”. 7. Jesus lhe disse: “Eu irei curá-lo”.

Olá, tudo bem! Paz de Cristo.

Nosso texto de hoje diz respeito a um milagre em uma das cidades onde Jesus passou. Em primeira instância esse milagre parece mais um dos grandes feitos de Jesus. Mas esse milagre tem um toque especial. Mas por que digo isso? Vejamos. Geralmente os milagres e os grandes feitos do nosso Senhor Jesus acontecia entre ele e a própria pessoa que era curada ou recebia tal bênção. Entretanto, esse milagre tem um agente intermediador, alguém que clamou em favor de outro. Os centuriões eram figuras muito importante nas suas cidades, eles eram oficiais de tropas, lideravam cerca de 100 homens. O que mais nos chama a atenção nesse fato, é a grande bondade de tal oficial. Ele poderia está cuidando de outros afazeres, ou curtindo seus filhos em sua folga, mas o seu coração era tão cheio de amor, compaixão e altruísmo que ao ver Jesus ele clamou em favor do seu servo. Sabe amados, isso se chama REINO DE DEUS. Isso é evangelho. Não importa quem somos, onde estamos, o que possuímos ou conquistamos, o nosso coração deve ser sempre norteado por aquilo que a palavra diz. Devemos ter um coração disponível, ajudar ao próximo. Existem muitas pessoas que estão aprisionadas, enfermas e cativas, precisando que alguém clame em seu favor. Seja esse agente, ore por alguém, adote alguém no Espírito. Estabeleça o Reino!!!

Fique na paz! Uma ótima semana!

AUTOR (A)

Onias Lopes

Dentista, 23 anos, membro da Igreja Luz e Vida em Macapá. Seguir os passos de Jesus é o meu objetivo diário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>