Servo Adorador

1122 VISUALIZAÇÕES 1 Comment

Servir a Deus é acolher com amor as tarefas

Texto Base: Gálatas 1:10

Acaso busco eu agora a aprovação dos homens ou a de Deus? Ou estou tentando agradar a homens? Se eu tivesse procurando agradar homens, não seria servo de Cristo.

Olá meu irmãos! Bom dia, boa tarde, boa noite!

Nosso texto hoje se encontra em uma carta de Paulo escrevendo aos irmãos da Galácia. É isso mesmo, da Galácia… rsrs! Queridos quero falar a respeito de servidão nesse pequeno devocional. Depois que você tiver um tempinho, procure na sua bíblia alguns autores de livros eles começam assim: Eu Paulo, servo do Senhor… Eu Tiago, servo do Senhor Jesus Cristo… Timóteo… Judas e alguns outros. Sabe o que acho interessante nisso? A forma como eles se posicionavam para as pessoas dizendo que eram simplesmente servos de Jesus. Isso é magnífico. Eles eram homens extremamente usados, e importantes em suas épocas, propensos a ter orgulho e lucrar com o evangelho. Mas eles só queriam servir a Jesus, queriam apenas mostrar respeito e submissão a Deus pregando a sua nobre palavra. Essa é uma das diferenças entre um servo adorador e um escravo que cumpre uma obrigação. Essa é a diferença entre um verdadeiro adorador e um simples religioso. O desejo de servir está acima de tudo, o servir é por amor a Deus e por amor as almas. O servo fiel busca fazer aquilo que apraz ao seu Senhor, mesmo tendo a opção de não fazer, mas ele faz por que o ama.

“Uma pessoa religiosa é como um escravo. Ele serve a Deus por obrigação, medo ou senso de dever. Ela não é verdadeiramente livre, por que ela se sente obrigada a obedecer a Deus, mas seu coração deseja ser seu próprio mestre. Um adorador é uma pessoa que tem total liberdade para escolher, mas ama tanto a Deus que ele escolhe servir e obedecer porque não há nada que prefira fazer.” (Zach Neese – como adorar ao rei)

 

Um forte abraço! Deus o abençoe!

AUTOR (A)

Onias Lopes

Dentista, 23 anos, membro da Igreja Luz e Vida em Macapá. Seguir os passos de Jesus é o meu objetivo diário!

1 Comment
  1. Marcos Morais

    26 de maio de 2016 at 21:07

    Palavra abençoada! Exatamente no mesmo sentido do Meditando na Palavra que será publicado em 28 de maio. “Jesuscidência!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>