Servo de Jesus: JAMES HUDSON TAYLOR

3072 VISUALIZAÇÕES DEIXE UM COMENTÁRIO

hudson_taylor_1200x1400Bom dia!!!

Gostaria que cada um de vocês tivesse o prazer de ler toda a bibliografia de um homem chamado James Hudson Taylor (1832-1905). Tenho certeza que a cada linha vocês iriam se deleitar com o que o Senhor fez através da vida desse servo. Mas procurarei descrever de forma breve tamanha ação de Deus.

A sua bela história não começa com o seu nascimento, mas com a entrega da vida dos seus bisavós ao Senhor. Seus avós e pais permaneceram fiéis e criaram seus filhos no temor do Senhor. Antes do nascimento de Hudson, o primogênito da família, seus pais já o entregaram a Deus e clamaram a Ele para que o separasse para a sua Obra.

Como acontece com muitos jovens que nascem em uma família cristã, o moço chegou a idade de 17 anos sem reconhecer Cristo como seu Salvador. Porém ao ler um folheto escrito pelo seu pai acerca da obra de Cristo, Hudson entendeu o plano da salvação e entregou sua vida a Jesus. Sobre esse momento, ele assim o descreve:

“Lembro-me bem da ocasião, quando, com gozo no coração, derramei a alma perante Deus, repentinamente, confessando-me grato e cheio de amor porque Ele tinha feito tudo – salvando-me quando eu não tinha mais esperança, nem queria a salvação. Supliquei-lhe que me concedesse uma obra para fazer, como expressão do meu amor e gratidão, algo que envolvesse abnegação, fosse o que fosse; algo para agradar a quem fizera tanto para mim. Lembro-me de como, sem reserva, consagrei tudo, colocando a minha própria pessoa, a minha vida, os amigos, tudo sobre o altar. Com a certeza de que a oferta fora aceita, a presença de Deus se tornou verdadeiramente real e preciosa. Prostrei-me em terra perante Ele, humilhado e cheio de indizível gozo. Para que serviço fora aceito eu não sabia. Mas fui possuído de uma certeza tão profunda de não pertencer mais a mim mesmo, que esse entendimento, depois dominou toda a minha vida.”

O Senhor colocou no coração de Taylor amor pelos povos da China. No mesmo ano o jovem começou a se preparar para a sua missão; começou aprender Mandarim, e ao saber da necessidade de médicos neste país, iniciou seus estudos em uma escola de medicina para melhor servir ao povo chinês.

Antes de completar seus estudos, embarcou para a China e, após uma viagem de navio que durou quase seis meses, conseguiu desembarcar em Shanghai – na época com 21 anos de idade. Nos três primeiros meses ele distribuiu 1800 Novos Testamentos e Evangelhos, e mais de 2 mil livros. No ano seguinte fez oito viagens, sendo que em uma dessas visitou mais de 50 cidades onde nunca antes se ouvira a mensagem do Evangelho. Para alcançar mais almas para Cristo passou a se vestir como os chineses e conquistou a simpatia de muitos.

Em 1858, casou-se com Maria. A primeira casa do casal tornou-se posteriormente o berço da famosa “Missão do Interior da China”. Um ano após o seu casamento, assumiu a direção da Missão Hospitalar de Londres em Ningpo, onde muitos enfermos aceitaram a Cristo.

Antes de completar seis anos na China, por motivos de saúde, precisou voltar à Inglaterra. Entretanto, ele não parou o seu trabalho. De frente a um mapa da nação, ele orava todos os dias para que o Senhor enviasse missionários à China. Como fruto do seu trabalho foi fundada a “Missão para o Interior da China”. Essa missão já enviou mais de 800 missionários ao país e resultou na conversão, diretamente, de 18 000 pessoas. Atualmente é conhecida como OMF International (Overseas Missionary Fellowship).

O historiador Ruth escreveu:

“Nenhum outro missionário nos dezenove séculos desde o apóstolo Paulo teve uma visão mais ampla e usou um plano mais sistematizado para evangelizar uma grande área geográfica como Hudson Taylor.”

Podemos aprender com a vida desse servo que Deus pode fazer grandes coisas quando nos colocamos inteiramente a seu serviço. O ide e pregai a todo criatura continua a ecoar nas escrituras esperando servos e servas que digam eis-me aqui, envia-me a mim. Procure conhecer mais acerca de homens e mulheres que viveram para fazer o nome do Senhor conhecido em toda a terra, para que você seja motivado a viver da mesma forma.

AUTOR (A)

Emanuela Reis

Acadêmica de medicina, 21 anos, membro do corpo de Cristo, Igreja Batista da Glória em Teresina. Sou colunista do Cuidando do Templo e desejo ardentemente viver toda a minha vida para glorificar a Deus e desfrutá-la eternamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>